Fotografar os mistérios da Natureza

Conversas_Contagiantes - LIVE
31.05.20


Neste domingo, a sala virtual das Conversas Contagiantes recebeu o João Cosme, prestigiado fotógrafo profissional de natureza e vida selvagem há mais de 18 anos. É natural de Vouzela, na região da Beira Alta, onde ainda reside e se maravilha graças à riqueza e beleza natural ainda pouco explorada pelo grande público.


As suas imagens são publicadas em inúmeras revistas nacionais e internacionais como, National Geographic magazine-Portugal, Notícias Magazine, Visão, BBC Wildlife, Asferico entre outras. É autor e co-autor de diversos livros e guias, como “Rios de Vida”, " Natureza Íntima”, “ No Trilho do Lobo” e, a sua publicação mais recente, "Rios de Montanha nos domínios do Melro-d'água". 


O seu trabalho tem sido reconhecido internacionalmente em diversos concursos de Fotografia de Natureza e Vida Selvagem, tendo sido premiado nomeadamente no ASFERICO- International Nature Photography Competion-Italia, GLANZLICHTER- Internationaler Naturfoto-Wettbewerb – Alemanha e Nature Imagens Awardes, Terre Sauvage, França. Atualmente faz parte da equipa do projeto internacional Naturephotoblog. 


Nas palavras do João “uma imagem pode ter um grande impacto, quer na opinião pública, quer até nos decisores políticos. O trabalho de um fotógrafo serve essencialmente para alertar e divulgar os valores naturais do seu país. Serve também para mostrar os mistérios da natureza, que muitas vezes não são conhecidos do grande público.”


Conversámos com o João sobre os motivos que o levaram a seguir esta profissão, os “pré-requisitos” essenciais de um fotógrafo de natureza, e como se desenrola o fascinante e desconhecido trabalho de campo de um fotógrafo de natureza. A verdade é que a tal imagem que lhe poderá valer inúmeros prémios pode demorar dias ou meses de trabalho no terreno…


A paixão pela Fotografia de Natureza e Vida Selvagem é seguramente transversal a diferentes gerações. Será que esta paixão e espírito de missão podem ser uma fórmula eficaz de estabelecer relações intergeracionais genuínas e igualitárias?



Se perdeste o direto, não perdeste a conversa. A gravação está disponível no Facebook da Cabelos Brancos, aqui, e, desta vez, contou ainda com a partilha de algumas fotografias do João! Não percas a próxima Conversa Contagiante, para que possas participar, em direto, com as tuas perguntas, dúvidas ou opiniões!